CADUNICO – Veja como Fazer seu Cadastro Único


O CADUNICO ou Cadastro único é o Único meio de conseguir os benefícios do Bolsa Família. O Bolsa Família é um programa que visa dar ao cidadão condições mínimas de sobrevivência.

Criado para pessoas na linha de pobreza ou extrema pobreza, o beneficio é especifico para essa fatia da população. As regras são várias, mas a principal é que a família tenha:


  • Renda per capita, ou seja, por pessoa, inferior a R$ 89,00 (oitenta e cinco reais) em casos de extrema pobreza.
  • Renda per capta de R$ 178,00 (cento e cinqüenta e quatro reais), no caso de famílias em estado de pobreza.

Você pode pensar… Tenho renda per capita de R$ 180,00, isso me tira da linha de pobreza? Mereço menos por conta de alguns reais? Na teoria você deveria estar entre as pessoas desse grupo, mas o país não tem condição de contemplar além de quem já contempla.

Tendo posse de tais informações é muito importante que todos nós tenhamos consciência que existem regras e que as mesmas devem ser respeitas. Transmitir informações sem veracidade com o intuito de receber o Bolsa Família é configurado crime.




Para que as regras não sejam burladas e pessoas que não precisam acabem recebendo o auxílio, o Governo tem mantido um rígido controle de fiscalização constante, cruzando uma série de informações, começando pelo Cadastro Único.

Quem possui cadastro único precisa também manter-se atendo para sempre atualizar suas informações no sistema. Isso evitará que seu Bolsa Família seja bloqueado ou suspenso.

O que é o Cadastro Único ou Cadastro Social

Conhecido como CadUnico, o Cadastro Único é uma ficha social que é preenchida no momento em que a família solicita o seu benefício. Embora o Bolsa Família seja um benefício cedido pelo governo, a chamada triagem, é realizada em parceria com os municípios. A mesma é feita pelo CRAS (Centros de referência de Assistência Social) ou nas próprias secretarias municipais.



Por esse motivo cada município também possui total responsabilidade de manter o cadastro das famílias atualizado. O CadUnico permite identificar não apenas a renda, mas as características sociais das famílias solicitantes.

Por meio do Sistema, o Governo Federal consolida os dados que são cadastrados no CadUnico a outros dados de cadastramento. Além disso, o CadUnico permite que o governo conheça a real situação das famílias com maiores carências permitindo a análise e criação de novos programas.

O CadUnico é Apenas para o Bolsa Família?

Na verdade o Cadastro Único é utilizado para qualquer tipo de benefício cedido pelo Estado. Se você teve sua renda aumentada, e não usa mais o programa, com o cadastro pode participar de outros programas.

  • Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec)
  • Programa Minha Casa Minha Vida.
  • Ou pode conseguir isenções nas inscrições para os concursos públicos, etc.

Omissão de Informações

É importante frisar, que o CadUnico não é uma fonte exclusiva de informações. Isso significa que você não pode dizer o que quiser, tendo em vista que tudo será verificado posteriormente.

Todas as informações prestadas serão cruzadas, e através do seu número de NIS, CPF e outros cadastros o Governo garante ou não a veracidade das mesmas. A fiscalização tem sido constante.

Por isso é imprescindível que você diga a verdade, sob todos os aspectos, ou terá seu benefício cancelado ou negado. Prestar informações falsas para adquirir direitos de terceiros é crime e pode ser descoberto facilmente.

Assista a esse vídeo sobre o assunto.

Atualização do Cadastro Único

Beneficiários do programa são convidados, sob pena de perder o benefício, a comparecer ao órgão responsável para atualizar seu cadastro. Sendo assim, o Cadastro é Único, mas não é feito uma única vez.

Se há evolução socioeconômica e aumento de renda, o Governo precisa ser sinalizado. E se há alterações de perfil, ainda que para você ainda seja necessário, você deverá ter o benefício bloqueado.

Realização de Entrevista

Para realização do Cadastro Único Social e a inserção dos dados no sistema de cadastramento, é necessária a realização de uma entrevista, conduzida por um servidor da prefeitura, onde ele mesmo insere os dados ao sistema. A entrevista também pode ser feita direto pelo sistema.

Após a inserção dos dados no CadUnico e a atribuição de NIS (Número de Identificação Social) a família estará cadastrada.

Quais serão os Dados Solicitados

Seja em postos de atendimento permanentes ou itinerantes, a prefeitura ou subprefeitura deve atender a toda a demanda da região.

As informações que serão solicitadas de quem deseja se cadastrar serão:

  • As características do domicílio (número de cômodos, tipo de construção, tratamento da água, esgoto e lixo)
  • A composição familiar (número de componentes, existência de pessoas com deficiência)
  • A identificação e documentação de cada componente da família;
  • A qualificação escolar dos componentes da família
  • A Qualificação profissional e situação no mercado de trabalho;
  • A Remuneração
  • As Despesas familiares (aluguel, transporte, alimentação e outros)

Documentos Necessários para o CadUnico

Todos os documentos abaixo serão solicitados, alguns, não só de quem solicita o benefício, mas de cada membro da família.

  • RG ou Certidão de Nascimento cópia e original
  • CPF ou Título de Eleitor apenas do responsável pela família
  • Carteira de Trabalho de todos (mesmo que esteja em branco)
  • Holerite ou comprovante de renda
  • Comprovante de despesas (água, luz, gás, aluguel, etc.)
  • Outros documentos poderão ser solicitados se a entidade julgar assim necessário.

Confira mais detalhes no artigo quem pode receber Bolsa Família.

Essas informações são realmente necessárias para que se cumpra o fundamento do Programa Bolsa Família. Auxiliar famílias realmente em estado de necessidade e necessidade extrema.

Se você está dentro do perfil, consulte os pontos e horários de atendimento mais próximos a seu bairro. Faça a inscrição de sua família e aguarde ser chamado.

O Bolsa Família é um programa premiado mundialmente, que vêm realmente auxiliando as famílias e melhorando as condições básicas do cidadão até em locais mais remotos.

Contribua passando apenas informações verídicas no ato de inscrição de seu Cadastro Único Social.